CONTADOR DE VISITAS AO BLOG

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

NADA ACONTECE POR ACASO...


Nisto eu creio, e disto eu tenho certeza.
Para mim, tudo tem um sentido, uma explicação, tudo é mais do que apenas “aconteceu” ou “que coincidência”.

Muito tempo em minha vida lamentei...Lamentava como se tudo fosse o fim do mundo, como se o mundo estivesse contra mim, ou eu contra o mundo! Vivia dizendo “porque isso foi acontecer justo comigo”. Depois de um tempo, comecei a pensar e observar o que aconteceria após um dia ou um momento de “tormenta”. Percebi que uma porta nunca se fecha sem deixar uma janela “semi aberta” para que possamos olhar adiante, que tenhamos a escolha de entrar, mesmo que com mais dificuldade, pois entrar por uma porta é bem mais fácil do que por uma janela, ou ficar lamentando a porta que estava trancada!

Nada na vida é fácil, isto é certo, mas as vezes temos a oportunidade de lutarmos pelo que queremos ao invés de ganharmos de “mão beijada”. Tudo que é conseguido de forma fácil também se perde de forma fácil, se desfaz. Enfrentando as dificuldades temos mais chances de provarmos o doce sabor da vitória, de nos orgulharmos pelo que conquistamos com muito trabalho, de podermos dizer “Eu consegui”.

Tem dias que realmente parece que o mundo está contra nós, que levantamos com o pé esquerdo: Saio de casa pela manhã, para trabalhar, para no sinal, vem um carro e bate na traseira do meu e quebra a sinaleira. Pôxa vida, de onde surgiu este incompetente, tenho vontade de surrá-lo, de dizer mil palavrões. E ainda por cima ele foge e assim eu fico com o prejuízo. Terei que gastar dinheiro, vou me atrasar para o trabalho bem no dia de uma reunião importante...”O que eu fiz para merecer isso??? “ . Depois de todo transtorno chego finalmente no trabalho. Está todo mundo com cara de quem chupou limão azedo! Pergunto sobre a reunião, logo me dizem que fora cancelada, pois em tempos de crise mundial os investidores desistiram de fechar negócio, e a empresa fará um corte na lista de funcionários e adivinha quem está nela? Eu...eu mesma! Pôxa, alguém só pode estar brincando comigo. O que farei? Tenho o carro para consertar, além de todas as minhas dívidas, e agora estou desempregado!!! Novamente repito: “O que eu fiz para merecer isso?”. Lembro que ainda posso voltar para casa e desabafar com meu marido (ou esposa), de quem ganharei um abraço e apoio para continuar. Chego lá, encontra ele (ou ela) com outra, me traindo! Não, não pode ser verdade, isto não está acontecendo comigo...Devo estar em um pesadelo muito real. Acabou: Carro amassado, desempregado, traído! É o fim do mundo!

Mas paremos para pensar: Será que uma ocasião não evitou outra pior ainda? Será que tudo que aconteceu neste dia horrível não tem um grande significado para o meu futuro, para minha vida?
Deus sabe o que faz. Será que este acidente sem vítimas (a não ser o veículo) não me prendeu por alguns minutos naquele local pois mais a frente eu teria sofrido um acidente pior ainda, onde eu ao sairia ileso, ou talvez nem saísse vivo? Ninguém sabe o que me esperaria mais a frente se eu tivesse seguido, se eu tivesse chegado ou saído segundos antes, ou segundos depois. São os segundos decisivos na minha vida. Os piores acidentes, as piores tragédias, acontecem em segundos.

O emprego perdido: Eu tenho que me perguntar, analisando a situação com mais calma, se este emprego realmente era o que eu queria para o resto da minha vida. Será que esta não foi a chance que eu tanto esperava de me arriscar, de trocar de emprego, tentar um cargo melhor, uma empresa melhor ou quem sabe até abrir meu próprio negócio? Quem sabe amanhã eu não abro o jornal e vejo a oportunidade da minha vida, a qual eu nunca teria tido chance se minha vida não tivesse dado está reviravolta?

E o casamento? O que falar do casamento?
Se havia traição não havia mais amor! Com certeza meu casamento não andava bem, e eu já devo ter percebido isso, mas sem ter coragem de colocar um ponto final, começar uma nova vida. É trágico ser traído, mas será que seria melhor ter continuado sendo enganado pelo resto da vida, fazendo de conta que ainda existia amor, enganando-se de que tudo ainda estava em perfeita ordem?

Tudo que termina na vida abre um caminho para um recomeço, para uma vida nova. Nada é por acaso, tudo nos direciona ao rumo certo para o caminho da felicidade. Dependo de nós seguirmos por este caminho ou parar no meio da estrada e ficar lamentando ou esperando a felicidade cair do céu.

Sempre que passar por uma situação difícil, que pareça sem solução, pare e pense por uns instantes o que essa mudança pode significar na sua vida. Sempre há um lado bom. Temos a oportunidade de extrair pequenos pedaços de felicidade e aprendizado até mesmo em situações desesperadoras.

Basta abrir o coração e aceitar esses momentos como um empurrãozinho do destino para uma vida melhor.
É nisto que eu acredito!

2 comentários:

Aldinha disse...

Maravilhosa conclusão, acho que as vezes mudar é sinonimo de evolução,mesmo que no momento a gente não perceba isto.Amei teu blog,parabéns.Alda Lucia

Aldinha disse...

Também penso que mudança pode ser sinonimo de evolução, mesmo que a principio nos assuste,amei teu blog,bem escrito,inteligente,parabéns,bjos Alda Lucia